Varjota, reduto culinário de Fortaleza

A Varjota é pequena, ocupa menos de 1km², mas reúne o maior número de bares e restaurantes de Fortaleza, contando quase cem estabelecimentos.

Varjota faz limites com bairros de maior apelo turístico, como Mucuripe e Meireles, com a Aldeota (reduto da classe média alta), e bairros populares como Vincente Pinzón e Papicu; o riacho Maceió corta a Varjota.

Antes de se tornar pólo gastronômico de Fortaleza, era uma vila de estivadores. Alguns dos primeiros restaurantes que existiram no local foram o Agulha Frita, Osias, Zé Luís, Garoto da Varjota.

Atualmente, o local está passando por fiscalizações da Prefeitura, e diversos estabelecimentos foram notificados sobre irregularidades, como ocupação indevida das calçadas, poluição sonora e visual. A Prefeitura, por outro lado, está investindo na iluminação pública, trânsito e limpeza urbana. O objetivo é consolidar a Varjota como Pólo de Gastronomia de Fortaleza.

Exibir mapa ampliado

O Restaurante “Docentes e Decentes“, por exemplo, tem mais de 20 anos, e há cerca de dois abriu filial na Varjota. Conhecido pelo feijão verde – o restaurante auto-intitula-se O Melhor Feijão Verde da Cidade, o estabelecimento ainda oferece uma decoração regional, que lembra uma vila de casas bastante colorida.

Já no Ban-Cha, a especialidade é a comida japonesa; do mesmo grupo que gerencia o Fogão a Lenha, serve ainda pratos da cozinha chinesa e brasileira. O sushi é o forte da casa, que trabalha com o Buffet no peso, incluindo sashimis, ou rodízio, com pratos quentes, robatas e sobremesas.

A pizzaria Coco Bambu combina uma decoração rústica a um espaço sofisticado. Além do diferencial da ambientação, inspirada nas florestas tropicais (com réplicas de araras, tucanos, papagaios e um piso de areia – que lembra a Cipó Brasil, em Natal), o espaço, que já tem oito anos de existência, tem ampliado a cada ano a oferta de pratos. Pizzas preparadas no forno à lenha com massa especial (finas e crocantes) ou a tradicional da casa (farinha de trigo e massa de milho); crepes; tapiocas tradicionais, doces ou salgadas; comida japonesa e internacional são algumas das novidades.

No bar e restaurante Beluga (a matriz fica no Rio), as batatas recheadas ao forno, conhecidas como rostie, com 15 opções de recheio, e a costela de porco defumada e assada com molho barbecue são as opções mais procuradas.

O restaurante Colher de Pau é um dos pioneiros da Varjota. Há 18 anos, a proprietária Ana Campos investiu no bairro;  carne de sol, peixe, camarão, arroz de carneiro são algumas das comidas apreciadas por gente de todas as idades, de acordo com a proprietária. Recentemente, o restaurante abriu uma filial no Itaim Bibi, em São Paulo.

Essa foi uma pequena amostra do potencial gastronômico da Varjota; leia mais sobre restaurantes em Fortaleza. Vale lembrar que a Varjota está em localização central, e portanto próxima a todos os setores turísticos de Fortaleza; uma corrida de táxi leva menos de dez minutos a partir do Meireles, e aproximadamente quinze minutos a partir de Iracema.

Anúncios

Tags: ,

2 Respostas to “Varjota, reduto culinário de Fortaleza”

  1. Ceará produz melhor camarão do mundo « Turismo em Fortaleza, Ceará Says:

    […] exportar”. A produção, obviamente, abastece também diversos restaurantes do Nordeste; os restaurantes da Varjota certamente recebem esses camarões; no Recife, o restaurante Donatário (que tem filiais por todo o […]

  2. Culinária internacional em Fortaleza « Turismo em Fortaleza, Ceará Says:

    […] proposta de trabalho. Assim surgiu o Le Petit Saint Tropez, seu primeiro restaurante, localizado na Varjota, tradicional reduto culinário de […]

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: